Você já parou para refletir e pensar objetivamente sobre o ano que passou?

Você já parou para refletir e pensar objetivamente sobre o ano que passou?

  • 6
  • 2 de janeiro de 2017

2016 foi um ano de crescimento para nós aqui na WCK. Tanto em número de colaboradores quanto em mentalidade de trabalho. Trabalhamos muito, nos empenhamos e produzimos muitos, além, é claro, de termos puxados alguns muitos cabelos nossos ;)

Dobramos a equipe e reestruturamos os processos de todas as áreas para entregar mais aos clientes. Redesenhamos nossa principal persona a fim de dar mais relevância ao conteúdo que produzimos. Também exploramos vídeo para broadcast e assim nasceu o Catadão de conteúdo semanal. Além de fecharmos diversas parcerias com várias empresas e agências.

Também patrocinamos a Feira do Empreendedor do Sebrae em SP (evento que recebeu mais de 100 mil visitantes), estivemos em BH, Recife e Rio de Janeiro no evento itinerante RD On The Road. Já quase no final do ano, participamos do RD Summit, com o jogo A Lenda do Marketing, e trouxemos para casa o prêmio “Colaboração para o Produto”, ficando entre as 5 melhores agências de Inbound Marketing do Brasil.

Finalizamos dezembro com foco em planejar tudo o que queremos para 2017 para nossos clientes e para nós, e em como tornar isso possível.

Mas não estou te contando isso somente para fazer uma retrospectiva de 2016. Quero te propor uma reflexão mais profunda.

Em um planejamento, estamos constantemente olhando para o futuro: o que queremos atingir, quais ações teremos que tomar, como melhorar nosso desempenho e ser cada vez melhores. E claro, isso é essencial, mas antes de focar tanto no que estar por vir, precisamos ter uma atenção especial no que passou.

Por que eu digo isso? Porque só conseguiremos ter real noção da nossa capacidade se olharmos e analisarmos nosso histórico e desempenho. O que fizemos de bom em 2016? Quais ações otimizaram nossos processos? Como as equipes conseguiram contornar problemas e alcançar resultados? O que fizemos de bom?

E, principalmente, qual foi a nossa meta em 2016 e se ela foi alcançada. Nesse ponto, é importante pensar no que podemos aproveitar dessa experiência para o novo ano que se inicia. Se não foi possível cumprir nossos objetivos, mantê-los ainda faz sentido para o novo ano ou é melhor apenas absolvermos o que desse ano foi aprendido e deixar as metas não alcançadas para trás?

Essa pode não ser uma análise simples, mas é essencial para uma melhor compreensão do que você pode realmente alcançar em 2017 e como fazer isso.

Olhe para o que alcançou no ano que passou e reflita: o que eu aprendi com tudo isso? Vou te contar um pouco sobre o que nós aqui na WCK aprendemos em 2016.

Aprendemos que:

  • Feito é melhor do que perfeito. Ou seja, só planejar sem colocar em prática não nos ajuda a ser melhores, nos torna mais procrastinadores;
  • É preciso estabelecer metas que nos inspirem a ir além do feijão-com-arroz. Estamos tão inseridos no nossos dia e nos nossos processos que ficamos confortáveis demais com entregas básicas. É preciso ser audacioso e acreditar que podemos, e devemos!, entregar mais;
  • Quando estamos atentos ao projeto, e não as tarefas, conseguimos nos sentir mais responsáveis pelas nossas entregas. Novamente, precisamos pensar além das nossas execuções diárias. É preciso pensar no objetivo do que está sendo feito e o valor que será entregue para cada cliente;
  • É mais valoroso ser parceiro que fornecedor. Estar alinhado com o que o cliente precisa é muito mais do que entregar o que foi contratado. Falamos tanto em dor da persona, mas quantas empresas realmente se preocupam em fornecer soluções que resultem em ajudar o seu cliente a atingir o seu potencial?
  • Cada ação, cada sonho, cada vontade individual impacta para um resultado final. Sim, colaboradores felizes, satisfeitos, que se sentem partem de um todo são capazes de entregar mais e melhor. Mais e melhor valor.

Essas foram algumas reflexões que tiramos desse ano que passou. 2016 não foi simples e todos concordamos nesse ponto. Mas é hora de focar no que fizemos de melhor e como potenciar isso. É hora de colocar 2017 em prática. Você está pronto?

Leave a Reply

Deixe seu comentário abaixo

[contact-form-7 id="14318" title="Fale com a Lilian Rios (Fim de Post)"]
Lilian Rios

Fale com a Lilian Rios

Especialista Inbound Marketing

o