Realidade Virtual: você já deveria estar pensando nela para a sua empresa?

Realidade Virtual: você já deveria estar pensando nela para a sua empresa?

  • 1
  • 14 de dezembro de 2016

A realidade virtual (RV) já é um recurso bastante estabelecido em setores como o mundo dos games, no entanto, esta tecnologia está se tornando cada vez mais conhecida como uma poderosa ferramenta de marketing para diversos tipos de empresas.

Produtos com realidade virtual estão gerando receitas bilionárias e segundo estimativas da Goldman Sachs, até 2025 irão movimentar 25 bilhões de dólares.

Neste cenário, quem pretende destacar a sua empresa no futuro deve começar a pensar imediatamente nesta ferramenta como uma estratégia de marketing para o seu negócio.

Afinal, o que é a realidade virtual?

A realidade virtual pode ser definida como um ambiente virtual em 3D criado para que pessoas possam explorá-lo, como se estivessem de fato no ambiente. Apesar de ser mais comum na criação de games, a RV está se mostrando um recurso promissor em outros setores, tais como educação, engenharia, saúde, entretenimento e também no marketing.

Muito dessa expansão se deve ao fato de que o custo desta tecnologia vem se tornando cada vez menor. Para se ter uma ideia, o Google já conta com um óculos desenvolvido em papelão, o Google Cardboard, que, utilizado juntamente com o aplicativo Câmera Cardboard, permite que qualquer pessoa capture imagens para RV.

Realidade Virtual como estratégia de marketing

No marketing a utilização da RV ainda pode parecer uma novidade, mas é uma forte tendência que promete exercer grandes impactos no consumidor e mudar a maneira como o público é abordado. Por meio da RV, os consumidores podem ter experiências únicas, mesmo sem sair do lugar. Quer alguns exemplos?

Cidade do Porto

Recentemente, a Câmara da cidade do Porto, em Portugal, investiu na criação de um aplicativo para iOS e Android que pode ser utilizado com um Cardboard. O objetivo é que os utilizadores possam passear virtualmente por locais icônicos de Porto, despertando ainda mais o interesse em conhecer a cidade.

Nike

A Nike utilizou recentemente o recurso de realidade virtual para divulgar sua nova linha de chuteiras. Na campanha, os usuários podiam assumir a perspectiva do jogador Neymar em campo.

Dior

A empresa também quis inovar em suas publicidades e criou seus próprios óculos de realidade virtual, o Dior Eyes, permitindo que os clientes acompanhassem de dentro das lojas os bastidores do seu desfile em Paris.

Gafisa

Aqui no Brasil, a construtora Gafisa tem sido uma das pioneiras no uso da realidade virtual no setor da construção civil. A ideia da ferramenta é apresentar plantas de imóveis para potenciais compradores verem a propriedade muito antes de começarem as obras, observando detalhes como se eles estivessem dentro do apartamento!

Sem dúvidas, o recurso de realidade virtual veio para ficar. E aproveitar esta ferramenta como uma estratégia de marketing pode fazer toda a diferença para quem pretende se destacar daqui para frente. A prova disso é que a RV transmite aos potenciais clientes a inovação e ao mesmo tempo transforma produtos e serviços em um recurso palpável e mais atrativo aos olhos do público.

Atualmente, seja da artes aos esportes, do entretenimento à medicina, já é possível pensar em soluções de RV para se destacar nos negócios. Portanto, independentemente do segmento em que sua empresa atua, vale a pena começar a avaliar a possibilidade de implementar uma ferramenta de realidade virtual para atrair cada vez mais clientes.

Quer manter-se atualizado sobre as tendências do marketing? Então continue acompanhando o blog da WCK!

Que tal ser o primeiro a avaliar este artigo?

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas
Carregando...

Leave a Reply

Deixe seu comentário abaixo

[contact-form-7 id="14318" title="Fale com a Lilian Rios (Fim de Post)"]
Lilian Rios

Fale com a Lilian Rios

Especialista Inbound Marketing

o