Marketing de Conteúdo: tudo o que você precisa saber para criar um planejamento de sucesso

Marketing de Conteúdo: tudo o que você precisa saber para criar um planejamento de sucesso

  • 0
  • 16 de fevereiro de 2018

Se você ainda tem dúvidas sobre o que é marketing de conteúdo, esse texto é para você. Provavelmente você já deve ter ouvido falar nessa ferramenta, mas pode ser que ainda não compreendeu a real importância do marketing de conteúdo e como ele pode ser aplicado na sua empresa.

Não precisa se preocupar, nesse texto, nós da Agência WCK vamos te ajudar a entender um pouco mais sobre esse universo e mostrar para você como fazer um planejamento de sucesso.

Nesse texto vamos falar um pouco mais sobre os seguintes tópicos:

  • O que é marketing de conteúdo/
  • Principais vantagens e benefícios
  • Como fazer marketing de conteúdo que traz resultados

Agora chegou a hora de tirar as suas dúvidas, arregaçar as mangas e colocar a mão na massa.

O que é Marketing de Conteúdo

Nos últimos anos o marketing de conteúdo vem sendo amplamente discutido e divulgado nos ambientes digitais. Justamente por ser uma ferramenta muito eficiente e oferecer excelentes retornos mensuráveis, muitas empresas vêm utilizando-o em suas estratégias de comunicação.

Para quem ainda não conhece, o marketing de conteúdo trabalha com estratégias aplicadas a criação de conteúdos informativos e relevantes direcionados para os públicos-alvo de cada empresa. Ele auxilia na tarefa de engajar os leitores, aumentar as redes de contato e prospects, além de ajudar na potencialização dos negócios.

São conteúdos de qualidade, bem estruturados, que conversam com o cliente e têm como foco informar, educar e agradar cada um dos leads. Além desta tarefa, o marketing de conteúdo também auxilia na construção de uma marca, posicionando a empresa como referência e ajudando, inclusive, na ação de manter uma boa reputação no mercado.

Mas afinal, o que é um lead?

Não dá para falar de marketing de conteúdo sem falar de leads. Vamos abrir um parênteses para explicar brevemente este conceito. Em linhas gerais, LEAD é o potencial consumidor de uma marca e/ou serviço, alguém de quem você já tem alguma informação – geralmente o e-mail.

Ele pode chegar até a empresa por meio do marketing de conteúdo, lendo um texto informativo ou tendo contato através de um material relevante.

Principais vantagens e benefícios do Marketing de Conteúdo

O marketing de conteúdo oferece uma série de vantagens e benefícios para aqueles que o utilizam como estratégia de negócio. E isso não é mera especulação, hoje diversas técnicas de monitoramento e análise provam a eficácia dessa ferramenta e como ela realmente converte resultados positivos para as empresas.

Apesar do feedback animador, hoje no Brasil, um percentual baixo de empresas usam o marketing de conteúdo de forma efetiva em sua comunicação. Uma pesquisa realizada pela Content Trends em 2017 ouviu 3.650 pessoas e constatou que apenas 71% das empresas utilizam este recurso.

Os benefícios que esta estratégia de marketing oferece são os seguintes:

  • Aumento da visibilidade da empresa/marca no ambiente virtual

Esse é um dos principais benefícios que o marketing de conteúdo oferece. Além de ajudar na construção da identidade da empresa no ambiente virtual, a técnica possui ampla relevância nas estratégias de SEO de um site. Isso potencializa a visibilidade por parte dos buscadores do Google e consequentemente dos leitores que buscam a informação.

  • Auxílio na construção de uma ferramenta permanente e duradoura de comunicação

Os conteúdos criados ficam registrados no ambiente virtual, e independente da continuidade do investimento nas estratégias de marketing, eles permanecem informando os leads que acessarem os links. Claro que a eficiência não se mantém a mesma, afinal trabalho de marketing digital é contínuo e frequente, mas os conteúdos continuarão registrados.

  • Ajuda para estabelecer uma relação mais direta e profunda com o cliente

O marketing de conteúdo ajuda a construir uma relação direta com a audiência qualificada da marca. Por levar informações relevantes, muito clientes e leitores acabam consumindo o material frequentemente, e dependendo da estratégia aplicada, a marca pode inclusive se tornar referência de informação no seu segmento de atuação.

  • Favorecimento na redução de custos por parte da empresa

A maioria dos setores comerciais precisam de diferentes investimentos para manter determinadas estratégias de atuação e vendas. Com o marketing de conteúdo esses custos são bem reduzidos, afinal uma peça criada pode atender diferentes leads. Claro que ele também exige investimentos, mas muito mais reduzidos quando comparados aos convencionais.

  • Aumento no engajamento do público com a marca

Como citamos anteriormente, a marca estabelece um relacionamento com seu público, e é justamente esse relacionamento que gera identificação. Com isso, os clientes e leads tornam-se mais engajados com os movimentos da empresa e a taxa de adesão por parte dos consumidores torna-se muito maior.

  • Monitoramento e a análise das ações

O trabalho realizado pelo marketing de conteúdo pode (e deve) ser constantemente monitorado, oferecendo assim um escopo de resultados mais palpáveis. Essa ação permite que a empresa veja quais estratégias realmente estão dando certo e qual o retorno que cada um delas pode oferecer.

  • Potencialização das vendas de forma indireta

O processo de venda fica muito mais fácil com o aumento da visibilidade da empresa no ambiente virtual, o contato frequente e o engajamento do público com a marca. Hoje o perfil dos consumidores mudou muito e até chegar ao estágio de decisão de compra o cliente pesquisa e, na maioria das vezes, dá preferência para as marcas com as quais possui maior identificação.

Como fazer marketing de conteúdo que traz resultados

Ao longo desse texto você conseguiu entender de forma clara o que é marketing de conteúdo e qual a importância dele para uma marca ou empresa. Agora um ponto importante que não poderíamos deixar de abordar é: como fazer marketing conteúdo.

Ao contrário do que muitos pensam, realizar essa tarefa não é um bicho de 7 cabeças, mas é preciso organização e planejamento acima de tudo. É preciso compreender que um trabalho como esse exige tempo, dedicação e direcionamento. Já nos primeiros meses alguns resultados já poderão ser percebidos e monitorados, mas nada acontece por mágica, e nem do dia para noite.

Dentro de um planejamento de sucesso é preciso existir clareza de detalhes, afinal o objetivo não é impactar qualquer pessoa e sim aquele lead que será um futuro consumidor da sua marca. Para isso é preciso ter definido alguns itens que iremos discorrer a seguir:

Definindo esse pontos de forma clara e efetiva você poderá construir um planejamento de marketing de conteúdo que realmente trará resultados a sua empresa. Então preste atenção, que agora iremos detalhar cada um deles para que você consiga colocar em prática.

Públicos e Persona

Para produzir um conteúdo relevante é preciso conhecer à fundo o(s) público(s) que você pretende atingir com o trabalho de marketing de conteúdo. Para isso é importante que você mapeie cada um deles e entenda um pouco mais o perfil de cada um.

A criação da Persona é justamente uma forma de você traçar um perfil mais assertivo do seu consumidor, criando uma pessoa fictícia que represente o seu real cliente. Existem alguns passos que você pode adotar para traçar a Persona da sua marca, mas em linhas gerais é preciso responder algumas perguntas básicas como:

  • Como ela é?
  • Qual a faixa-etária dela?
  • Qual seu nível de instrução?
  • Qual o interesse dela?
  • Qual atividade profissional ela realiza?
  • Quais são seus hábitos e gostos?
  • Quais são seus desafios?

Vale ressaltar que quanto mais informações e especificações você oferecer para a sua Persona, mais insumos você terá para aplicar um marketing de conteúdo mais assertivo.

Para facilitar o processo de criação das Personas, pesquise mais sobre os clientes que já fecharam negócio com a sua empresa, entreviste-os e busque entender o que os motivou a recorrer ao seu produto ou serviço. Entenda o que eles procuram, que tipo de assunto eles se interessa e o que querem saber e aprender.

Canais de comunicação

Hoje, uma ideia errada que muitas empresas acabam adotando como regra é escolherem canais de comunicação virtuais porque são populares. Isso está errado! Apesar da diversas opções que a internet oferece, é preciso que a sua empresa esteja presente nos locais que o seu cliente está. Não adianta sair por aí criando uma infinidades de perfis em canais diversos e redes sociais para depois abandoná-los ou deixá-los inativos.

As ferramentas escolhidas devem ir de encontro com a Persona que você traçou anteriormente para o seu planejamento. Antes de defini-los, é preciso conhecer a fundo cada um deles, o que eles podem oferecer para a sua estratégia de marketing de conteúdo e como eles podem beneficiar a sua empresa.

Alguns exemplos de canais que são amplamente utilizados hoje em dia são:

  • Sites
  • Fluxo de e-mails
  • Blogs
  • Redes Sociais
  • Canais de compartilhamento de vídeo
  • E-books
  • Webinários

Além da preocupação com a escolha do canal é importante (e faz parte da estratégia de marketing de conteúdo) que toda a linguagem e comunicação da empresa seja unificada. Todos os canais (Online e Offline) devem estar alinhados e sincronizados, e as mensagens devem ser publicadas de forma complementar e unificada.

Principais indicadores para trabalhar com Marketing de Conteúdo

Como falamos anteriormente, o monitoramento é um dos benefícios que o marketing de conteúdo oferece. É através dele é que serão realizadas as análises de todas as ações, por isso ele se torna parte integrante e importante deste trabalho. É ele que vai direcionar as estratégias futuras, direcionar o planejamento e medir o retorno real de tudo que está sendo produzido.

Diante disso, existem indicadores que guiarão as análises deste monitoramento, também conhecidos como métricas ou KPI´s ( Key Performance Indicator , ou indicador-chave de performance). Sem eles, seria uma tarefa quase impossível entender se a sua empresa ou marca está obtendo retorno positivo com este trabalho.

  • Definição de métricas

A definição de métricas e indicadores são traçadas com base nos objetivos da empresa, por isso antes de estabelecê-los, é preciso ter muito claro o que a empresa pretende conquistar com o marketing de conteúdo.

De nada adianta estabelecer métricas se elas não estão alinhadas com os propósitos e objetivos das estratégias de marketing digital. Um exemplo clássico disso é a frenética busca por seguidores que muitas páginas realizam. De que adianta ter milhares de seguidores se eles não interagem e não se engajam com a sua marca? Como isso irá ser revertido em vendas? Como irá beneficiar sua empresa?

Essas são perguntas que você deve fazer antes de traçar sua métricas e realizar o seu planejamento de marketing de conteúdo. Para estabelecer KPI’s eficientes é preciso seguir alguns pontos importantes:

  • Eles devem ter relevância e oferecer respostas efetivas para o planejamento;
  • Eles precisam ser de fácil entendimento. Nada de elaborar métricas complexas que não serão facilmente entendidas pelo time;
  • Eles precisam proporcionar resultados positivos para a empresa;
  • Eles devem oferecer um processo de mensuração claro e direto, sem rodeios e exigência de análises complexas.

Alguns exemplos de métricas que podem ajudar a sua empresa a ler os resultados de forma clara e assertiva são:

Entre tantas outras que devem ser estabelecidas de acordo com a sua estratégia digital e o objetivo da sua empresa.

Análise e aperfeiçoamento constante

O objetivo principal das métricas e do monitoramento do marketing de conteúdo é servir de bússola para as futuras ações digitais. Nenhum negócio sobrevive parado no tempo, por isso é importante que o trabalho realizado seja constantemente aperfeiçoado e que a empresa nunca deixe de se preocupar com o feedback do cliente. É preciso estar constantemente conectado com o retorno deste trabalho e, com base nos resultados obtidos, realizar as mudanças necessárias que aparecerão ao decorrer da jornada.

Com este texto você aprendeu o que é marketing de conteúdo e conseguiu entender a fundo a relevância que ele tem em uma estratégia digital. Explicamos também a importância dele para a sua empresa e como ele pode te ajudar a conquistar mais e melhores clientes. Por fim você aprendeu como fazer marketing de conteúdo que traga resultados efetivos para a sua empresa e te ajude a alavancar os negócios. Agora você já está pronto para realizar um planejamento de sucesso, coloque em prática esse passo a passo e com certeza você obterá excelentes resultados com o seu marketing digital.

Se você gostou desse conteúdo, provavelmente vai adorar aprender mais sobre como criar uma estratégia de marketing digital para empresas B2B.

Leave a Reply

Deixe seu comentário abaixo

[contact-form-7 id="14318" title="Fale com a Lilian Rios (Fim de Post)"]
Lilian Rios

Fale com a Lilian Rios

Especialista Inbound Marketing

o