Guia Definitivo para investir em Marketing Digital de forma planejada e com foco em resultados

Guia Definitivo para investir em Marketing Digital de forma planejada e com foco em resultados

  • 0
  • 9 de Fevereiro de 2018

O Marketing Digital está avançando e ganhando a maior parte dos investimentos das empresas. Investir em um bom relacionamento na internet passou a ser uma obrigação para aqueles que querem angariar novos clientes e estabelecer uma marca forte no mercado.

O marketing digital é um termo usado para descrever os serviços de marketing integrados utilizados para atrair, englobar e converter clientes online, utilizando vários canais e um conjuntos de metodologias, tais como marketing de conteúdo, marketing influenciador, SEO, redes sociais e publicidade on-line para ajudar as marcas a se conectarem aos clientes e gerar resultados.

Mas você sabe como investir em um projeto digital de forma correta? Sabe como mensurar seus resultados e mudar suas estratégias quando for necessário?

Fique tranquilo. Nós da Agência WCK preparamos um Guia Definitivo para lhe mostrar como o Marketing Digital pode mudar para melhor o rumo dos seus negócios. Confira!

Como fazer Marketing Digital

Fazer uma boa estratégia de Marketing Digital, é uma tarefa muito importante para a sua empresa. É nesta estratégia que você conseguirá levar o melhor conteúdo ao seu cliente.

Planejamento e métricas para o Marketing Digital

De acordo com um estudo de “Gerenciamento de marketing digital” da Smart Insights, 46% das marcas não possuem uma estratégia de marketing digital definida, enquanto 16% possuem uma estratégia, mas ainda não a integraram a sua atividade de marketing. Mas aqui está o caso: se você não tem um planejamento, como você pode esperar para crescer e inovar, para medir resultados significativos e aprender com os erros do passado?

Escolhemos as 5 etapas mais importantes que você deve tomar para garantir que seus esforços de marketing digital criem um impacto real na sua linha de fundo.

1. Saiba o que deseja (defina um objetivo)

Defina primeiro a missão/objetivo de sua empresa – sua missão de marketing digital deve se encaixar em seu grande plano.

Responda esta pergunta: qual é o objetivo primordial que você deseja que seus esforços de marketing digital sejam alcançados? Por exemplo, você deseja que sua empresa seja melhor reconhecida dentro da sua cidade? Esta é a sua missão.

Defina e mire seus KPIs: seja específico, identificando os números que você será responsabilizado pela realização.

Seja realista com seus KPIs, analisando seus esforços de marketing digitais anteriores primeiro – isso irá garantir que você aponte para um aumento positivo em seus resultados atuais, ajudando você a evitar a configuração de suas expectativas muito alto.

Identifique um método para ajudá-lo a medir cada um de seus KPIs – por exemplo, você usará o Google Analytics para medir suas conversões, suas análises de redes sociais individuais para acompanhar o engajamento ou uma ferramenta como o BuzzSumo para avaliar o sucesso do seu marketing de conteúdo?

Aqui está um modelo KPI acessível para você copiar: (Insira o objetivo, por exemplo, ‘Aumentar tráfego’) por (inserir projeção)% em (inserir quantidade de tempo).

Antes de começar a planejar seus KPIs, é essencial que o seu planejamento esteja diretamente ligado ao planejamento de negócio.

2. Analise seu passado (e aprenda com seus erros)

Você não precisa (e não deve) entrar no período de planejamento completamente no escuro. Analisar o sucesso e as falhas da sua estratégia de marketing digital pode te ajudar a concentrar na definição dos melhores KPIs para o seu negócio. Você, portanto, pode querer completar os passos um e dois juntos.

Escolha um período de tempo que você gostaria de analisar (o melhor é definir este período de tempo como o mesmo período de tempo que você planeja para sua nova estratégia de marketing) – por exemplo, decidir se você vai analisar o ano anterior, trimestre ou mês.

  • Como analisar:

Determine o período de tempo que você deseja analisar e configure seu calendário do Google Analytics para corresponder este período de tempo. Experimente os Relatórios de Benchmarking do Google em sua conta do Google Analytics para comparar seu progresso com seus concorrentes.

Não se esqueça de analisar também a estratégia de marketing de seus concorrentes – crie uma planilha de análise de suas atividades online.

Você pode usar o SEMrush para identificar a estratégia de SEO de um concorrente, ou seja, quais palavras-chave estão gerando o maior volume de tráfego orgânico para seu site. Também pode ser usado para comparar o tráfego orgânico e pago de diferentes sites, então novamente bastante útil para ver como eles estão sendo agressivos com seus gastos pagos.

Pergunte a si mesmo esta pergunta em intervalos regulares: existe algo mais que eu preciso analisar que eu não pensei antes?

3. Lembre-se com quem você está falando (e fale a sua língua)

Não deixe o planejamento tirar as pessoas que você está tentando alcançar. Polêmico, não é? Mas vamos explicar.

Você já sabe quem é sua audiência (pelo menos, esperamos que você saiba), mas, às vezes, elas são a primeira coisa que o marketing digital pode esquecer no meio da configuração do KPI, do frete orçamentário e da seleção de canais.

Você não vai cometer esse erro – não desta vez. Em vez disso, você colocará seu público no centro da sua estratégia de marketing digital, atenderá às suas necessidades emocionais e satisfará seus desejos mais profundos.

Como? Através da criação de pessoas bem desenvolvidas e bem pensadas, é claro.

Comece com os conceitos básicos e anote todas as informações demográficas que você conhece sobre seu consumidor alvo – como idade, gênero e localização.

Em seguida, cave um pouco mais fundo e identifique os problemas que você pode ajudar a resolver da sua persona. Quais são os seus maiores desafios? O que há incomoda no seu dia a dia?

Aproxime-se de seus desejos emocionais, objetivos, aspirações e medos e documentar todos os fatores que podem fazer com que eles assinalem (pense em seus desejos conscientes e inconscientes).

Você pode mergulhar profundamente nos relatórios de público da sua conta do Google Analytics para identificar características-chave da sua pessoa-alvo, como idade, sexo, carreira etc.

Ao criar suas personas, este é o momento perfeito para identificar as pessoas que serão influência para elas – estes serão os influenciadores que sua estratégia de marketing deve atingir.

4. Identifique seus meios (e o orçamento disponível)

Três coisas são importantes para identificar seus meios: seu orçamento, seus canais digitais e sua equipe (ou pessoas). É importante fazer um balanço de todos os seus recursos antes de decidir sobre o que você pode precisar para o próximo período.

Por exemplo, agora é o momento perfeito para criar uma auditoria de seus canais digitais existentes e decidir se você vai terceirizar seções específicas do seu marketing digital e se você precisa definir o orçamento para um novo contrato ou dois.

  • Como identificar seu orçamento:

Olhe os dados históricos do que funcionou antes (por exemplo, alguns canais específicos trouxeram leads de qualidade a baixo custo?).

Decida se você usará promoção paga (por exemplo, Adwords ou anúncios pagos em mídias sociais).

Aloque uma porção específica do orçamento para cada canal digital que você deseja usar para promoção paga (aprofundar seu Analytics para ajudá-lo a avaliar os canais digitais mais rentáveis ​​com maior alcance e conversões e o menor custo por clique).

Se um determinado elemento de sua estratégia de campanha paga não está trazendo os resultados desejados, revise-o e invoque o valor do orçamento alocado no canal que lhe oferece os melhores resultados.

Se você ainda tiver dúvidas, sempre pode utilizar gratuitamente a nossa Calculadora de Budget de Marketing.

  • Sua equipe:

Olhe para o seu time atual e avalie o que você é capaz de alcançar (seja realista aqui e assegure que ninguém seja mais esticado ou mais sobrecarregado).

Identifique se você precisa contratar mais pessoas e se você tem os meios para fazê-lo.

Decida se toda a sua atividade de marketing digital ocorrerá em casa ou se você precisa terceirizar alguns elementos para uma agência de terceiros. Você precisa se perguntar: preciso de ferramentas ou de inteligência empresarial?

Peça a cada um dos membros da sua equipe que analise suas atividades de marketing digital e mapeie algumas idéias para sua futura estratégia de marketing (quanto mais autonomia seu funcionário tiver em seu papel, mais eles estarão a bordo com seu novo plano).

Como escolher em quais canais investir

1. Email Marketing

Quando os negócios executam uma estratégia de geração de leads e outras estratégias de marketing, eles coletam informações de contato como números de telefone e endereços de e-mail de potenciais clientes, incluindo permissões para enviar-lhes atualizações e outras informações por e-mail.

Segundo o Email Marketing Industry Census 2016, 73% dos participantes da pesquisa confirmaram que o email marketing tem assegurado um ROI superior ao SEO (Search Engine Optimization) para o seu negócio.

Confira outros dados interessantes sobre e-mails:

  • Funcionários de empresas passam, em média, 13 horas da sua jornada semanal de trabalho verificando sua caixa de entrada;
  • 92% dos adultos presentes online utilizam email, sendo que 61% deles utilizam diariamente;
  • 76% dos profissionais de marketing observam crescimento constante na sua base de emails;
  • A média global de emails enviados todo mês é de 1,38 milhões;
  • 12% dos usuários de email possuem caixas de entrada separadas para uso pessoal e profissional;
  • 72% dos consumidores escolhem email como o melhor canal para receber comunicações de empresas e marcas.

2. Search Engine Optimization (SEO)

Quase todas as pessoas que usam a Internet são familiares e estão fazendo uso de mecanismos de busca para procurar qualquer coisa que eles desejem saber ou estão procurando.

Na verdade, até 93% das experiências on-line que acontecem a essas pessoas geralmente começam usando um mecanismo de pesquisa. As pessoas usam motores de busca para procurar informações sobre uma marca, produto ou serviço, e até 59% dos usuários do motor de busca a cada mês encontram uma empresa local para satisfazer uma necessidade particular.

O SEO envolve várias atividades, como pesquisa de palavras-chave, fazendo uso da otimização na página e fora da página, criação de ativos vinculáveis, construção de links orgânicos e outras atividades relacionadas.

3. Social Media Marketing (SMM)

A mídia social é definitivamente uma das coisas mais fenomenais que acontece na área do digital. Os empresários e os as agências de marketing podem aproveitar para criar consciência de marca para seus produtos e serviços.

Através do Social Media Marketing (SMM), as empresas podem chegar a clientes potenciais altamente direcionados através do envolvimento direto e pessoa a pessoa.

O número de usuários de redes sociais continua a crescer a cada dia e espera-se aumentar em 26% mais neste ano de 2018.

Empresas e agências continuam a andar de carro e mais de 50% estão planejando aumentar seus orçamentos SMM este ano.

Os comerciantes digitais, no entanto, devem selecionar a rede social mais adequada para promover seu tipo de negócio para um determinado tipo de público-alvo. Preparamos um guia simples:

  1. Facebook – Você pode chegar a quase todos os tipos de consumidores em geral, você só precisa aprender em quais grupos e páginas o seu cliente direcionado permaneça frequente no Facebook;
  2. Twitter – Se você está tentando desenvolver um novo negócio e gostaria de alcançar os primeiros consumidores, o Twitter pode ser para você, particularmente na geração de conhecimento rápido da marca;
  3. LinkedIn – Chegando a profissionais, proprietários de empresas e outras empresas de negócios para empresas (B2B) e clientes direcionados, o LinkedIn seria a rede social perfeita para você;
  4. Google+ – Esta é outra boa rede social para chegar aos primeiros adotantes de novos negócios, bem como chegar ao usuário B2B e geral das redes sociais. Os proprietários de empresas devem, no entanto, aprender a fazer uma boa presença no Google+, pois isso pode ser um grande fator que influenciará o comportamento de SEO no futuro próximo;
  5. Pinterest – Esta rede social é excelente se você se concentrar em imagens para promover suas marcas e produtos. A maioria dos usuários também são mulheres, então, se este for seu mercado, a SMM em Pinterest será boa para o seu negócio.

4. Marketing de conteúdos

O conteúdo está no cerne de cada campanha de marketing digital e é o principal elemento que permanecerá constante apesar das muitas mudanças que ocorrem no mercado.

Com conteúdo bom, de alta qualidade e muito relevante, o seu site na Internet gerará um tráfego considerável de públicos altamente direcionados – todos os quais podem ser clientes potenciais.

Até 73% dos comerciantes de marketing digital na arena B2B estão aumentando as atividades de marketing de conteúdo deste 2014. O conteúdo inclui texto, gráficos, vídeos e outros materiais relacionados que as pessoas estão procurando e estão muito interessadas.

7 motivos para você trabalhar com o Marketing Digital

Na última década, o mundo mostrou uma mudança de paradigma de analógico para digital. Mais e mais pessoas estão consumindo todos os tipos de informações online, tornando o marketing digital a melhor maneira de alcançar seus clientes de forma segmentada e personalizada.

Se você ainda está se perguntando por que o marketing digital é tão importante, nós temos a resposta: ele funciona não só a favor dos comerciantes, mas fornece algo inovador e de valor para os consumidores também.

Conheça outros 5 benefícios:

1. Aumenta o crescimento de pequenas empresas

A importância do marketing digital para os negócios reside na opção de selecionar seu método de agir de acordo com seu orçamento e atingir um público mais amplo a um custo menor.

Os modos digitais de marketing são personalizáveis ​​e, portanto, muito mais baratos. Se você está tentando fazer uma incursão em um mercado já estabelecido, você ainda pode medir a sua presença visando uma pequena base de clientes.

2. A taxa de conversão é maior

As empresas que estão usando o online como o modo preferido de marketing são capazes de medir a taxa de conversão em tempo real usando um método simples. Isto é, identificar a porcentagem de visualizadores que se convertem em leads e, em seguida, assinantes e no final, finalmente, a compra do serviço ou produto.

SEO, marketing em redes sociais e marketing por e-mail são métodos que possuem alta taxa de conversão, pois são capazes de gerar um canal de comunicação rápido e eficaz com o consumidor.

Surpreendentemente, o tráfego que você obter no seu site pode não ser frutuoso, portanto, o marketing digital permite que você alcance apenas aqueles que precisam da sua solução, oferecendo melhores conversões de leads (ou clientes que tenham um fit mais indicado para a sua empresa). Ou então, nutrindo e ajudando mais pessoas a chegarem nesse momento de compra.

3. O suporte ao cliente tornou-se uma prioridade

Para qualquer empresa sobreviver, um dos pontos mais importantes de atenção é o de estabelecer uma reputação que seja impecável. Nos últimos anos, tornou-se evidente que os clientes sempre preferem uma empresa que não tenha nenhum escândalo associado a ele, ou que tenham valores semelhantes ao seu.

O marketing digital oferece várias maneiras de estabelecer um relacionamento pessoal com sua base de clientes e entregar para essa base um conteúdo que converse com as suas necessidades.

Seu site e página de mídia social podem ser facilmente convertidos em um lugar onde o consumidor pode fazer consultas, dar sugestões e, portanto, levar a associação com você de uma maneira positiva.

4. Você estará conectado aos clientes com dispositivos móveis

Após a primeira atualização do Google Mobile, praticamente todos os sites nos dias de hoje são feitos de forma que são facilmente visíveis no celular também (sites responsivos). Afinal, se você não consegue viver sem o seu aparelho, o que o faz pensar que o seu cliente o faria?

47% dos consumidores com acesso à internet fazem pesquisas online antes de comprar em loja física. Ou seja, se você não oferecer uma solução que esteja acessível no celular ou tablet do seu possível cliente, outra empresa fará.

5. Aumenta a confiança para sua marca

A presença de sua marca e serviço em múltiplas plataformas dá aos clientes opções para avaliar seus serviços de acordo com seu nível de experiência. Uma revisão positiva e favorável deixada por um cliente satisfeito faz com que os novos sejam imediatamente convertidos.

Nestes dias, entrar em contato com a página de mídia social de uma marca para resolução de problemas e outros assuntos é uma coisa comum a fazer. Isso, por sua vez, leva à construção de uma forte imagem da marca nas mentes dos novos consumidores, levando a mais conversões (se você já notou essa tendência nas suas redes sociais, não deixe de ler sobre o SAC 2.0).

6. Melhor ROI para o seu investimento

Enquanto as dotações orçamentárias anteriores foram feitas individualmente para lidar com cada tipo de meio de marketing, a situação se torna mais progressiva agora. Sendo digital, você tem acesso a pacotes em diferentes níveis de custos, garantindo assim que você possa escolher um que melhor se ajuste ao seu orçamento.

Mesmo um pequeno nível de investimento feito em um modo como o marketing por e-mail tem o potencial de produzir resultados em termos de envolvimento do cliente.

O uso de análises na web ajuda os empresários a saber se seu site está fornecendo ROI ideal. Embora o site não esteja gerando receita para você diretamente, você sempre pode acompanhar a taxa de conversão de consultas feitas por e-mail e chamadas telefônicas para vendas.

7. O marketing digital é rentável

Uma pequena empresa precisa economizar seus recursos antes de finalmente começar a fazer lucros. O marketing digital oferece o alcance para alcançar muitos clientes ao mesmo tempo e também dentro do seu orçamento.

Você pode planejar sua estratégia de marketing, de modo que você use apenas modos que estão no seu orçamento.

Se houver um desejo de não estender o orçamento, você sempre pode segmentar públicos de nicho que você sabe definitivamente gostariam e apreciam o conceito de sua oferta.

Agora você já sabe o que é preciso para investir no Marketing Digital de forma planejada para engajar novos clientes. O Marketing Digital veio para revolucionar o método de investimento das empresas, otimizando o relacionamento das mesas com os seus clientes.

A Agência WCK possui o melhor serviço de Marketing Digital do Brasil. Confira o que os nossos clientes falam da gente ;)

Avalie nosso artigo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas
1 voto(s)
Carregando...

Leave a Reply

Deixe seu comentário abaixo

[contact-form-7 id="14318" title="Fale com a Lilian Rios (Fim de Post)"]
Lilian Rios

Fale com a Lilian Rios

Especialista Inbound Marketing

o