E-mail marketing: você está fazendo isso da maneira certa?

E-mail marketing: você está fazendo isso da maneira certa?

  • 0
  • 9 de agosto de 2016

O e-mail marketing ainda é uma das ferramentas mais poderosas para gerar vendas. Conforme pesquisa, a utilização desse canal para nutrir leads gera 50% mais leads qualificados e prontos para as vendas e a um custo 33% menor do que outras estratégias de marketing.

Entretanto, não basta apenas enviar sua mensagem: é preciso planejá-la, criar conteúdo relevante e atraente e enviá-la para bases próprias e segmentadas. Veja nesse post o que evitar para que seu e-mail marketing não sofra rejeição e tenha um excelente desempenho.

1) Não ter permissão dos contatos para enviar o e-mail marketing

Comprar bases de e-mails prontas pode ser uma cilada. Embora possa parecer tentador em um primeiro momento, essa pode ser uma tática totalmente ineficaz. Algumas empresas adquirem listas prontas de e-mail visando a aumentar rapidamente seu mailing; a quantidade é realmente importante, mas não a custo da qualidade da base. Quando se compra uma lista pronta, são fornecidas informações de pessoas dos mais diversos perfis, podendo acontecer de não terem o perfil de público do seu negócio.

Além disso, há um risco de essas pessoas ficarem realmente incomodadas e receosas com o seu contato, visto não terem conhecimento de como as suas informações pessoais forem repassadas para a sua organização. Essa é uma prática que vai de encontro aos princípios fundamentais do inbound marketing. Nessa metodologia, que tem trazido muito retorno para as empresas, trabalha-se apenas com opt-in, isto é, com o aceite e o interesse das pessoas em receberem mensagens das organizações.

Essa prática do envio sem permissão poderá, ainda, custar a reputação de seu negócio, uma vez que ela poderá ser prejudicada nos provedores, reduzindo as chances de as próximas mensagens serem entregues na caixa de entrada dos usuários e aumentando a probabilidade de irem direto para a pasta de spam. Além disso, sua mensagem poderá sofrer grande rejeição, com pessoas reclamando para seus amigos e nas mídias sociais sobre o envio não autorizado da mensagem, prejudicando a imagem e os resultados de sua empresa.

Há diversas táticas para aumentar a base de contatos, como a disponibilização de conteúdos relevantes e de qualidade. Por exemplo, oferecer ebook, webnar, aplicativos e demais materiais com um tópico que seja útil e relevante para o seu público, a ponto de ele aceitar a troca e oferecer seu endereço de e-mail para recebê-lo.

2) Enviar apenas imagem no corpo do e-mail

Algumas empresas apenas inserem uma imagem no corpo do e-mail marketing. O problema dessa prática é que boa parte dos serviços de e-mail utilizam como padrão o bloqueio de imagens, tendo o usuário que autorizar o download da imagem para visualizá-la. Exigir esse passo extra antes mesmo de as pessoas saberem qual é o conteúdo do e-mail pouco ajuda na conversão e aumenta consideravelmente os riscos de o usuário enviar sua mensagem direto para a lixeira.

O recomendado é criar uma mensagem utilizando linguagem HTML e, quando utilizar mensagens, sempre usar o atributo alt (que é uma espécie de legenda que carrega quando a imagem não é exibida).

Além desse alto risco de redução do desempenho de seu e-mail marketing, há, ainda, o de rejeição dos provedores de e-mail. As mensagens que utilizam apenas imagem, sem conteúdo em HMTL, recebem pontuações elevadas de spam, aumentando, assim, as chances de a mensagem ir parar na pasta de lixo eletrônico do cliente.

3) Falta de cuidado ao escolher o assunto do e-mail

Há empresas que, na ânsia de mostrar a importância de sua mensagem, criam um assunto enorme para o seu e-mail marketing. As pessoas recebem uma grande quantidade diária de e-mails, se em uma primeira olhada a sua mensagem não parecer relevante, elas não perderão tempo lendo uma linha extensa de assunto. Dessa forma, faça o possível para criar uma chamada atrativa, curta e direta.

Outra prática arriscada é utilizar um “Re:” falso. Esse é um recurso aplicado visando a forçar a abertura das mensagens. Realmente, há pesquisa que aponta que o “Re:” pode levar a uma taxa de abertura de 92%. Entretanto, o objetivo não é apenas que as pessoas abram sua mensagem, e sim que elas a considerem relevante e queiram continuar interagindo com a sua empresa. Portanto, procure não utilizar falsos subterfúgios na hora de criar o assunto de seu e-mail marketing.

4) Enviar e-mail marketing sem relevância

Há empresas que enviam apenas uma mensagem de boas-vindas automática ou mensagens do tipo “oi, só vim dar um alô”. As pessoas valorizam cada vez mais as marcas que conseguem agregar valor e fazê-las ganhar tempo, não perdê-lo. Por isso, para que seu e-mail marketing seja eficiente e não gere rejeição, mande apenas mensagens relevantes. Enviar o link de um blog post que tenha afinidade com os interesses das pessoas ou uma oferta especial para quem se cadastrar em seu site será algo que gerará valor e aumentará suas chances de conversão.

5) Enviar exatamente a mesma mensagem para todo o mailing

Um erro bastante comum nas campanhas de e-mail marketing é fazer o envio da mesma mensagem para toda a base de contatos, sem nenhuma segmentação. Esse erro prejudica bastante o desempenho das campanhas, uma vez que as pessoas possuem interesses distintos ou não estão na mesma etapa de sua jornada de compras. Dessa forma, mensagens genéricas possuem baixo potencial de conversão e de geração de interesse de seu público.

Prefira sempre criar campanhas segmentadas de acordo com as diferentes personas de sua empresa. Lembre-se de que o melhor e-mail marketing é aquele criado para determinado perfil de público e que informa o que é realmente relevante para ele.

O e-mail marketing é uma poderosa ferramenta de inbound marketing. Entretanto, é preciso planejamento e cuidados para que seu alto potencial de conversão não seja desperdiçado.

Gostou das dicas? Compartilhe suas dúvidas ou experiências com o envio de e-mail marketing aqui nos comentários!

Leave a Reply

Deixe seu comentário abaixo

[contact-form-7 id="14318" title="Fale com a Lilian Rios (Fim de Post)"]
Lilian Rios

Fale com a Lilian Rios

Especialista Inbound Marketing

o