Ansiedade do profissional de marketing: você realmente precisa fazer tudo?

Ansiedade do profissional de marketing: você realmente precisa fazer tudo?

  • 0
  • 8 de janeiro de 2018

Faça uma análise do seu tempo: quanto dele sobra para que você faça o que gosta? Com que frequência você sai tarde da empresa na qual trabalha? Para você, profissional de marketing, é comum se sentir pressionado por causa de prazos curtos? As respostas destas perguntas são um bom parâmetro para que você analise se faz um bom uso das suas horas diárias.

Aliado a isso, é essencial fazer uma avaliação do seu desempenho. Quantas tarefas você conclui por dia ou semana? Quantas delas estão pendentes e há quanto tempo? Quais resultados você traz para a empresa? É importante lembrar que a produtividade não está associada ao quanto você está ocupado, mas ao quanto o seu trabalho rende.

Para o profissional de marketing, esta é uma análise especialmente importante. É comum que pessoas desta área tenham a tendência de querer abraçar todas as tarefas, o que pode comprometer o rendimento e até a qualidade das atividades do profissional. Para que isso não aconteça, é preciso aprender como priorizar tarefas, para manter o foco no que é importante e evitar o desperdício de tempo no que pode ser deixado para depois ou delegado para outras pessoas.

Acompanhe a leitura para saber mais sobre a importância do gerenciamento de metas e de conhecimento no marketing, e para ler dicas sobre como ser mais produtivo no dia a dia de trabalho!

Definindo o que realmente importa no trabalho

O segredo da produtividade não é encher o seu dia de tarefas, mas focar o seu tempo no que é realmente importante. Para isso, é preciso definir as principais metas e objetivos do seu trabalho e tomar cuidado para não perder o foco. Quando tiver dúvida sobre quais atividades devem ser priorizadas, responda a esta pergunta: quais são as principais tarefas que garantem que os seus objetivos sejam cumpridos? Estas não podem ser eliminadas ou deixadas para depois. Existem ainda as urgências, que são as atividades que devem ser concluídas o quanto antes. Porque o prazo está esgotando ou porque é preciso finalizá-la para garantir que uma meta seja cumprida no tempo em que a empresa precisa, por exemplo.

É preciso tomar cuidado para não confundir empenho com desempenho. Um profissional pode dar o máximo de si, ficar até tarde todos os dias e fazer além do que lhe é pedido. Mas se falta qualidade no serviço prestado ou se as atividades não agregam valor ao marketing da empresa, então o profissional não apresenta um bom desempenho. Por isso, não é uma peça fundamental para o sucesso do negócio.

Fuja da tendência de querer fazer tudo sozinho – algumas tarefas podem e devem ser divididas com a equipe ou terceirizadas com empresas que entendem mais sobre o assunto. Dedique-se a fazer aquilo para o que você foi contratado e priorize a qualidade das suas principais tarefas – aquelas que contribuem para o cumprimento do planejamento de marketing definido pela empresa.

Conhecimento: quanto mais, melhor?

Vale falar também da importância de organizar o conhecimento sobre a área. Um profissional de marketing precisa se manter atualizado, certo? Frequentemente são lançadas novas ferramentas de comunicação. Algumas delas, inclusive, provocam significativas mudanças na forma como as marcas se comunicam com os seus clientes. Além disso, é essencial estar por dentro das tendências e acompanhar as novidades das empresas concorrentes. Uma série de informações adquiridas por meio de sites, portais, ferramentas de pesquisa e outros. Mas para que este conhecimento, de fato, tenha poder, é preciso saber organizá-lo de forma produtiva. Uma boa gestão de conhecimento depende de monitoramento, bons hábitos e organização lógica. Para filtrar os conhecimentos mais importantes, mais uma vez, é essencial conhecer os seus objetivos profissionais e manter o foco neles.

Para ser mais produtivo é preciso saber priorizar tarefas e identificar as ações urgentes. Só assim, o profissional está preparado pra dedicar o seu tempo naquilo que traz resultados significativos para o negócio. Não é preciso – ou possível – fazer tudo com qualidade. Dedique-se às tarefas importantes, essenciais para o cumprimento das suas metas e objetivos e garanta que o seu trabalho apresente tanto empenho quanto desempenho.

A ansiedade é uma característica que prejudica o seu trabalho? Como você gerencia as suas atividades?

Avalie nosso artigo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas
1 voto(s)
Carregando...

Leave a Reply

Deixe seu comentário abaixo

[contact-form-7 id="14318" title="Fale com a Lilian Rios (Fim de Post)"]
Lilian Rios

Fale com a Lilian Rios

Especialista Inbound Marketing

o